A notícia acontece, a gente informa

Casos do saudoso Araguaia Esporte Clube, (Pantera do Leste) time de futebol de Alto Araguaia-MT


Casos do saudoso Araguaia Esporte Clube, (Pantera do Leste) time de futebol de Alto Araguaia-MT

Apresenteação de Milton Pessoa Morbeck Filho

Do livro: Alto Araguaia dos Garimpos À soja

Autora: Altair Machado.

Pedro Rodrigues Lima, fundador, presidente, dono do saudoso Araguaia Esporte Clube (Pantera do Leste).

PANTERA DO LESTE ‚‘‘ O Saudoso Pantera do Leste“– ficou famoso em toda região do Centro-Oeste Brasileiro representando um marco na história de Alto Araguaia.

Desde a década de 60 até início dos anos 70, quando este se desfez, era imbatível desde o Triângulo Mineiro até as fronteiras do sul de Mato Grosso.

Equipe de alto nível que era defendida por craques de destaque como: Wilsinho, Delvi, Jairo, Totó, Audinor, Cacildinho, Silvio Maia, Ênio, Ruiter – considerados como a ‘‘ espinha dorsal desse timaço e ainda os golerios Veni e Gutemberg. Jogaram também pelo Pantera do Leste outros craques como: Oiama, Bitencourt, Fausto, Guegué, Moreno, Coringa, Wilton, Zinho, Dr. Otair, Escovinha, Sassioto, Miltinho e o bi- Campeão Mundial Nilton Santos.

Inesquecíveis “cobras” que orgulhosamente puderam afirmar que tiveram o jogador Nilton Santos bi-campeão do mundo — copa de 58 e 62 — como companheiro de luta em arrasadoras vitórias sobre grandes equipes como D. Bosco,  Mixto, Operário de Cuiabá. As equipes de Coxim, Paranaíba, Mineiros e Jataí quase sempre saíam derrotadas das partidas que jogavam com o time do Pantera.

A formação dessa equipe se deu pela junção dos times do Botafogo e Flamengo. Entre as duas equipes eram constantes os desentendimentos, que resultaram por uma rixa que não acabava mais. Por esse motivo Pedro Rodrigues Lima, diretor do Flamengo, com o apoio de seu pai o ilustre cidadão e líder político de Alto Araguaia, o Senhor Ondíno, promoveu a fusão dos dois times que deu origem ao Araguaia Esporte Clube — no ano de 1959.

O presidente fundador Pedro Rodrigues Lima, mais conhecido como “Pedrão”, era quem liderava essa equipe de amadores de Alto Araguaia conhecida em todo o Centro-Oeste Brasileiro como “Pantera do Leste”.

Vários craques de futebol vinham de outras cidades a convite do Pedrão, que os mantinha no time, oferecendo-lhes algum trabalho como forma de recompensa pelo show de bola que apresentavam nas grandes tardes de domingo, proporcionando à torcida araguaiense que aplaudia orgulhosa, um maravilhoso espetáculo de bola. Em passes como os do atacante Delvi que com os seus toques de calcanhar já fazia o mesmo que fez Sócrates, “o calcanhar mágico” da Seleção Brasileira na copa de 82, em um verdadeiro baile de passes combinados com o Wilsinho; os torcedores deliravam podendo afirmar que nunca viram nadá igual.

Uma curiosidade sobre os apelidos: O Araguaia Esporte Clube recebeu o apelido de Pantera do Leste, pois na época era comum os times de futebol escolherem uma alcunha que representasse um poder de força.

E a fama surgiu de repente. Consagrou-se o Pantera. Inúmeras disputas. Goleadas. Grandes vitórias!

 

 

Alto Araguaia, 18 de junho de 2018.

Milton Pessoa Morbeck.


// Você deve estar logado com seu perfil no Facebook para comentar. Este espaço visa promover um bom debate sobre o assunto tratado. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser excluídos.
Participe!