A notícia acontece, a gente informa

Alto Araguaia promove o I Sarau Literário com incentivo à leitura; evento reúne comunidade escolar e família


Alto Araguaia promove o I Sarau Literário com incentivo à leitura; evento reúne comunidade escolar e família

Apresentações de teatro, dança, música e poesia, estas foram as atividades que movimentaram o I Sarau Literário de Alto Araguaia (415 km de Cuiabá), na última sexta-feira (01). O evento reuniu trezes escolas da rede municipal, estadual e privada de ensino, onde o objetivo é fomentar a cultura e envolver a comunidade escolar na leitura. De acordo com a estimativa da Polícia Militar, cerca de 800 pessoas participaram do Sarau realizado na praça Antônio Farias da Costa.

Em iniciativa conjunta da prefeitura do município, através da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Poder Judiciário, Ministério Público e Rotary Clube, o evento envolveu premiação em dinheiro para três categorias vencedoras das apresentações. Ainda, todos os alunos que participaram da etapa interna de cada unidade de ensino, receberam um tablet.  As escolas participantes também foram premiadas com um Datashow.

Na fase escolar, as apresentações ocorreram dentro das próprias escolas e foram divididas em cinco categorias, de acordo com a idade e a série dos participantes. As melhores apresentações foram selecionadas para representar as escolas no sarau.

De acordo com a professora, Carolina Marinho, a participação das escolas no evento, em especial as estaduais, foi positiva. “Fiquei muito feliz por terem aberto espaço para as escolas estaduais poderem participar. Antes, eventos como este eram apenas para as escolas do município, e este ano pudemos expor o trabalho também dos nossos alunos’’, conta.

A titular da Semed, Katia Simone Borges, conta que o sarau surgiu por sua iniciativa e foi apresentada ao Ministério Público, onde o promotor fez análise do projeto e aprovou a ideia. “Convidamos e marcamos reuniões com os diretores e coordenadores das escolas, juntamente aos representantes do Ministério Público. A partir daí as escolas foram se preparando para esse momento, onde tiveram a fase escolar com a seleção dos trabalhos para as apresentações no sarau’’, explica a secretária surpresa com a qualidade dos trabalhos.

Para Marcos Leandro, 11 anos, aluno da escola municipal Adalcy Conceição Rodrigues, que encenou a obra literária ‘’Vidas Secas’’ de Graciliano Ramos, o evento estava muito divertido e o agradou, principalmente o tema. “Eu gostei do tema leitura, porque lendo a gente pode criar um futuro melhor para nós’’. Ele conta ainda que participar do evento foi importante para sua visão de mundo. “Gostei muito de apresentar vidas secas. Foi muito bom. Deu para entender a vida lá no sertão”, concluiu.  A aluna Dafiny Gabrielle, 10 anos, disse que apresentação da Creche Municipal Izoldina de Castro, foi interessante. “Gostei mais dos bebezinhos, foi muito bonita e fofa a dança deles’’, comenta sorridente.

O evento contou ainda com apresentação cultural de um aluno do curso de jornalismo da Universidade do Estado do Mato Grosso, campus de Alto Araguaia. Caracterizado como palhaço, ele fez a leitura de uma obra envolvendo as crianças no palco. “Achei muito boa a participação do público. As crianças participaram muito bem da minha apresentação, isso me deixou muito feliz’’, disse o aluno Lucas Alencar.

 PREMIAÇÃO – O primeiro lugar do Sarau Literário ficou para o grupo de alunos do Colégio Objetivo, faturando R$ 1.000,00. Na ocasião, eles encenaram um musical da história do pequeno príncipe. Já o segundo lugar, com R$ 500,00, os alunos vencedores foram da escola Estadual Adalcy Conceição Rodrigues, encenando “Vidas Secas’’, de Graciliano Ramos.

Bastante aplaudido durante a apresentação do conto de mil e uma noites com uma dança do ventre, a aluna Isis Tafarello, 14 anos, da escola José Inácio Fraga, recebeu o prêmio de R$ 300,00. Questionada sobre como se sentia em participar desse evento ela conta que foi a melhor oportunidade que teve. “Realmente foi muito importante para mim”, frisa.

Ao todo, foram oito jurados de diversos órgãos e entidades do município. As avaliações foram realizadas dentro de quatro quesitos, sendo criatividade, clareza, exposição e adequação ao tema, no caso, a literatura. “É interessante ver o envolvimento dos alunos, professores e diretores das escolas participantes. Todos estão de parabéns e que tenhamos mais eventos como esse no município que estimulam a leitura e o aprendizado”, comenta Cristiano Baptistella, jurado representante do Rotary Clube.

Mais informações:

| Assecom/AIA

| Réulliner Rodrigues
| (66) 9 9655-4872
| (66) 3481-1165 – Ramal 205
| Facebook/prefaltoaraguaia
| Instagram @prefaltoaraguaia
| Youtube/prefaltoaraguaia

// Você deve estar logado com seu perfil no Facebook para comentar. Este espaço visa promover um bom debate sobre o assunto tratado. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser excluídos.
Participe!