A notícia acontece, a gente informa

76 cursos são oferecidos pelo PRONATEC; interessados devem procurar o ACESSUAS Trabalho de Alto Araguaia


Foto: Pronatec. Cursos oferecidos possuem vagas limitadas

A Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social (Seads) de Alto Araguaia (MT), por meio do Acessuas Trabalho, divulga as inscrições para os cursos do PRONATEC, ofertados através do sistema de Educação a Distância (EAD).São 76 cursos com vagas disponíveis para Alto Araguaia. Com carga horária entre 160 e 400 horas, e média de duração de 3 a 5 meses na modalidade de Formação Inicial e Continuada ofertadas pelo Ministério da Educação (MEC). E serão realizados em parceria com a Secretária de Educação na Universidade Aberta do Brasil (UAB), na Rua Rio Branco, próximo a Escola Carlos Hugueney.

A nível nacional, são oferecidas 875.510 mil vagas para os cursos de agente comunitário de saúde, agente de microcrédito, almoxarife, assistente financeiro, gestor de microempresa. Cursos de língua, como inglês e espanhol básico também são oferecidos. Há ainda vagas para auxiliar de laboratório de saneamento, assistente de tesouraria, reciclador, agente de gestão alimentar escolar, operador de produção de fármacos e medicamentos, entre outros.

As vagas são voltadas para estudantes do ensino médio da rede pública, do EJA que estejam cursando ou tenha concluído em rede púbica, trabalhadores, agricultores, silvicultores, extrativistas e pescadores, indígenas ou quilombolas, bem como jovens e adolescentes em cumprimentos de medidas socioeducativas. É importante ressaltar que para receber qualquer benefício social tornou-se requisito a realização de cursos de qualificação. Principalmente o Pró- família do governo do Estado do Mato Grosso.

De acordo com a Seads, a qualificação profissional é parte importante do conjunto de ações que visam capacitar pessoas usuárias das políticas sociais, como Bolsa Família, Feijão no Fogo, BPC ou que sejam inseridas no Cadastro Único. Os interessados devem realizar a pré-matrícula no ACESSUAS Trabalho, anexo a Secretaria de Assistência Social, das 13h às 17h (Horário de Brasília). Levando todos os documentos pessoais, o número do NIS ou do PIS.

 

| Assecom/AIA

| Réulliner Rodrigues

// Você deve estar logado com seu perfil no Facebook para comentar. Este espaço visa promover um bom debate sobre o assunto tratado. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser excluídos.
Participe!


Última notícia