PERUCHI
Notícias

ALTO ARAGUAIA: Boca de fumo fechada pela PM tinha droga escondida até em buracos na parede

Fonte: unicanews.com.br

(Foto: Divulgação/PM)
(Foto: Divulgação/PM)

Policiais do 15º Batalhão de Polícia (4º Comando Regional) apreenderam maconha e pasta base de cocaína, em uma residência na Vila Aeroporto, na cidade de Alto Araguaia (418 km de Cuiabá). As drogas estavam escondidas em buracos na parede, dentro de máquina de lavar e até na caixa de descarga.

A ação policial ocorreu na noite desta terça-feira (19.07), durante diligências para localização de carros roubados em cidades do Estado de Goiás. Havia a suspeita de que na casa de número 140, da Rua 22, funcionava um ponto de venda de drogas gerenciado pela mulher de um traficante que está preso. Também poderia haver veículos roubados escondidos.

No local, além de uma motocicleta 125, modelo Biz, roubada em Mineiros-GO, os policiais apreenderam um quilo de maconha supostamente pura, 14 pacotes menores, 40 porções de pasta base de cocaína, uma balança de precisão e alguns celulares.

As duas porções maiores de maconha estavam em um buraco na parede, parcialmente cobertas, enquanto a pasta base dividia espaço com outra parte da maconha dentro de máquina de lavar. Já o tablete de um quilo estava na caixa de descarga do banheiro usado pela família.

Na casa também estavam cinco crianças, três filhas e duas sobrinhas de Ingrid Rosa Araújo, 19, a suposta gerente da “boca”. As outras duas pessoas presas são Alexandre Batista da Silva, 19, e Silsa de Souza Araújo, 49 anos. Em fevereiro deste ano, Alexandre esteve preso e agora responde ação criminal por porte ilegal de arma de fogo.

Durante o tempo em que os policiais estiveram no local o telefone de Ingrid tocou diversas vezes. Ela confessou que quem estava ligando era o marido dela, Gleickamar Oliveira Araújo, que cumpre pena por tráfico na Cadeia de Alto Araguaia.

Os três adultos presos foram encaminhados à Delegacia de Polícia e as cinco crianças acolhidas pelo Conselho Tutelar local.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar