PERUCHI
Notícias

Costa Rica poderá contar com um clube de tiro; Câmara discute projeto

O tenente Ladislau fez uso tribuna e defendeu a importância da criação de um clube de tiro em Costa Rica.
O tenente Ladislau fez uso tribuna e defendeu a importância da criação de um clube de tiro em Costa Rica.

Ademilson Lopes

A cidade de Costa Rica-MS poderá contar em breve com o primeiro espaço destinado à prática de tiro esportivo. Tramita na Câmara de Vereadores do município o Projeto de Lei n° 1.180/2017, que autoriza o Executivo a conceder uma área, de um pouco mais de quatro hectares, para o Clube de Tiro e Caça de Costa Rica (CTCR). A criação da lei é o passo inicial para a implantação de um estande de tiro na cidade, que vai funcionar como um local apropriado para a prática do tiro esportivo e também para o treinamento das forças policiais da cidade.

O projeto foi debatido e aprovado em primeiro turno pelos vereadores, durante a 18ª sessão ordinária, realizada na noite da segunda-feira (05). O texto prevê que a Prefeitura poderá conceder para o Clube de Tiro, gratuitamente e por um prazo de 20 anos, o uso de um terreno de um pouco mais de quatro hectares, que será desmembrado de uma área maior da Fazenda Cabeceira da Taboca, que fica depois do “Copo Sujo”.

O presidente do Clube de Tiro e Caça de Costa Rica e subcomandante do 19º Subgrupamento de Bombeiros Militar do município, tenente Carlos Alberto Ladislau dos Santos, participou da sessão legislativa de segunda-feira. Ao ser convidado pelo presidente da Câmara, vereador Lucas Lázaro Gerolomo, para fazer uso da tribuna, o militar disse que o estande de tiro vai ajudar na divulgação dos pontos turísticos da cidade e poderá atrair visitantes e até competições internacionais da modalidade.

“É um anseio não só da segurança pública de Costa Rica, mas também de cidadãos de bem interessados em praticar o tiro esportivo. Posso dizer que é uma dádiva do nosso prefeito (Waldeli dos Santos Rosa) a conquista deste espaço, que não servirá só para o treinamento das forças policiais, mas também como mais uma forma de divulgarmos os atrativos que a cidade tem. Já conversamos com o presidente da Federação Sul-Mato-Grossense de Tiro Esportivo e o mesmo disponibilizou um calendário no ano que vem, se nós estivermos com o Clube pronto, para que Costa Rica entre no circuito estadual de tiro esportivo. Além disso, a ideia está transpondo barreiras e existe a possibilidade da nossa cidade sediar o Campeonato Sul-Americano da modalidade”, explicou Ladislau.

O tenente ainda contou que o Clube de Tiro conta atualmente com 95 filiados em Costa Rica, o que segundo ele representa um número expressivo e que pode aumentar ainda mais. Em Mato Grosso do Sul, apenas 11 das 79 cidades possuem um estande de tiro.

A partir da concessão do terreno, o Clube de Tiro de Costa Rica será responsável pela construção da obra e o município poderá requerer a área de volta caso seja descumprida alguma cláusula do Termo de Concessão. O projeto de lei prevê, inclusive, que o Clube de Tiro terá o prazo máximo de um ano para começar a construção e terá que arcar com todas as despesas de instalação, uso, manutenção do local, além do pagamento de despesas com água, energia elétrica, telefone, tributos e taxas cartorárias.

TERRAPLANAGEM DA ÁREA

O vereador Averaldo Barbosa da Costa já sinalizou que pretende apresentar, em nome da Câmara, uma emenda ao projeto de lei, para permitir que a Prefeitura execute também a terraplanagem do terreno. “Na discussão que nós tivemos com o prefeito, ficou acordado que nós (vereadores) faríamos uma emenda ao projeto para possibilitar que o Poder Executivo realize o serviço de terraplanagem, pra facilitar para o pessoal do Clube e vamos fazer a emenda em nome de todos os vereadores da Casa”, contou Averaldo.

O projeto e a emenda vão ser discutidos em segundo turno na sessão ordinária do dia 19 de junho. A aprovação depende do voto favorável de pelo menos oito vereadores. No entanto, tudo indica que a proposta vai passar pela Câmara sem dificuldades, até porque o projeto já foi aprovado em primeira turno por unanimidade de votos.

REUNIÃO COM O PREFEITO

Na terça-feira (06), o presidente da Câmara, vereador Lucas Gerolomo, participou de uma reunião no gabinete do prefeito Waldeli, que contou com a presença do presidente da Federação Sul-Mato-Grossense de Tiro Prático, Coronel Walnei P. Ávila, o presidente do Clube de Tiro de Campo Grande-MS e vice-presidente da Federação Sul-Mato-Grossense de Tiro Prático, Wanderley A. Barbosa Alce, o comandante do 19º Subgrupamento de Bombeiros Militar de Costa Rica, major Aldinei Perez da Silva, e o comandante da Polícia Militar Ambiental do município, subtenente Marcílio Dias de Oliveira.

O encontro serviu para os militares apresentarem ao prefeito as vantagens que Costa Rica terá com a criação de um clube de tiro. “A reunião foi muito esclarecedora. Na oportunidade, o prefeito e eu, representando a Câmara de Vereadores, pudemos ouvir mais a respeito do projeto e inclusive quais serão os benefícios que a cidade vai ter com um estande de tiro. Ao final, todos nós concordamos que o Clube poderá funcionar tanto como um espaço de lazer, um local de treinamento dos policiais do município e também como mais um atrativo para pessoas de outras cidades visitarem Costa Rica”, ressaltou o vereador Lucas.

Informações:

Ademilson Lopes/Diretor Geral da Câmara de Vereadores de Costa Rica-MS

E-mail: ademilsonlopes.adv.jor@gmail.com

Telefones: (67) 3247-1254 ou (66) 9 9603-6785

Fanpage: www.facebook.com/Câmara-de-Vereadores-de-Costa-Rica

Site: www.cmcostarica.ms.gov.br 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar