DestaquesTô Ligado

Lei define queijo cabacinha como patrimônio cultural de Mato Grosso

Queijo cabacinha, produzido no município de Alto Araguaia (421 Km de Cuiabá). Foto reprodução: TVCA
Por: KHAYO RIBEIRO, do HíperNotícias – Cuiabá/MT

O presidente da Assembleia Legislativa (ALMT), Eduardo Botelho (DEM), promulgou uma lei que define o queijo cabacinha, produzido no município de Alto Araguaia (421 Km de Cuiabá) como patrimônio cultural do estado. A Lei 10.801 foi publicada nesta terça-feira (15).

Depois de aprovada na Casa de Leis, a norma foi encaminhada ao governador Mauro Mendes (DEM), que não sancionou a lei no prazo estabelecido. A condição legal só entrou em vigor depois da promulgação do chefe do legislativo estadual. 

De origem italiana, o queijo Cáccio Cavalo recebeu a alcunha popular de cabacinha no Brasil, em razão de seu formato que lembra uma cabaça. 

A produção artesanal do derivado do leite é comum na região do Alto Araguaia, fomentando a economia rural do município. Com receitas que atravessam gerações, o queijo pode ser utilizado na produção de bolos, pães e lasanhas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar