PERUCHI
Notícias

Polícia apreende 172 kg de cocaína pura em estrada de Mato Grosso

Droga apreendida estava dentro de compartimento de carreta; tabletes, com 172 kg no total, apresentam logomarca de um índio. (Foto: Assessoria/Gefron)
Droga apreendida estava dentro de compartimento de carreta; tabletes, com 172 kg no total, apresentam logomarca de um índio. (Foto: Assessoria/Gefron)

Agentes da Polícia Federal (PF) e do Grupo Especial de Fronteira (Gefron) apreenderam na tarde desta sexta-feira (15) uma carga de 172 quilos de cloridrato de cocaína encontrados dentro de uma carreta que passava na região do município de Juruena, localizado a 893 km de Cuiabá. A apreensão é a de maior volume já realizada por enquanto em 2016. O motorista que transportava a droga foi detido e confessou que a carga teria como destino o estado de São Paulo.

A apreensão aconteceu na rodovia estadual MT-170 depois que equipes policiais abordaram um caminhão de cor cinza e placas de São Paulo. Ao revistarem o veículo, os policiais encontraram a carga de droga escondida em um compartimento na caixa do eixo do engate.

O motorista, de 38 anos, confessou que buscou a carga em Colniza, cidade a 1.065 km de Cuiabá e a pouco mais de 170 km de distância da área onde a carreta foi parada pelos policiais. O condutor informou que seria pago para transportar a droga até o estado de São Paulo.

O Gefron informou que a carga é de cocaína refinada com alto teor de pureza, com valor de mercado três vezes maior que a da pasta-base de cocaína, substância frequentemente apreendida em operações na região de fronteira de Mato Grosso com a Bolívia.

Assim como em outras apreensões já realizadas no estado, a droga encontrada nesta sexta-feira estava dividida em tabletes cuja embalagem apresentava uma logomarca – no caso, a imagem de um índio. Somente em 2015, mais de oito toneladas de drogas foram apreendidas em Mato Grosso pelas forças de segurança estaduais.

A droga foi encaminhada para a sede da PF em Cáceres, assim como o veículo e o motorista preso.

 

G1 – MT

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar