PERUCHI
Notícias

Por meio de propostas, estudantes ajudam a definir o futuro de Santa Rita do Araguaia

Ao longo de uma conferência, os alunos participaram ativamente das discussões, apresentando propostas, questionamentos e ideias. (Foto: assessoria de imprensa).
Ao longo de uma conferência, os alunos participaram ativamente das discussões, apresentando propostas, questionamentos e ideias. (Foto: assessoria de imprensa).

Da assessoria/Ademilson Lopes 

A juventude de Santa Rita do Araguaia-GO ajudou a definir o futuro e os rumos da política local. Estudantes do ensino médio da Escola Estadual Alfredo Nasser foram destaque na 4ª Conferência Municipal da Cidade”, evento promovido pela Prefeitura Municipal e que foi realizado no plenário da Câmara de Vereadores nesta terça-feira (17). Ao longo da conferência, os alunos participaram ativamente das discussões, apresentando propostas, questionamentos e ideias para melhorar a política de desenvolvimento urbano do município, nas áreas de lazer, segurança pública, educação, meio ambiente e infraestrutura urbana.

A conferência foi organizada pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Indústria e Comércio e dividiu-se em duas etapas: uma pela manhã e a outra à tarde.

O estudante do 3º ano do ensino médio, Iago Sousa Silva, 16 anos, nunca havia participado de uma conferência antes e cobrou mais participação da população na política local. “Foi muito produtivo, para saber o que se passa no meu município. Realmente eu vi que as pessoas não são tão participativas. Isso deve mudar! Os moradores julgam muito a cidade, o projetos, mas eles não sabem o que está acontecendo, até porque eles não estão presentes. Não é a gente querer e pronto, vai ter. Há sempre um processo demorado para aprovar um projeto para a cidade”, destaca Iago, que esteve presente na conferência de manhã e à tarde.

PRIMEIRA ETAPA DA CONFERÊNCIA

A primeira etapa da conferência começou por volta das 9h15 de ontem (17) e contou com a presença de cerca de 40 pessoas, entre estudantes do 3º ano do ensino médio da Escola Estadual Alfredo Nasser, professores do colégio, servidores do Poder Executivo, secretários da Prefeitura e o vereador Adão Macena da Silva (PSDB).

Nesse primeiro momento, os participantes conheceram o cronograma e o funcionamento da conferência e assistiram a uma palestra com o tema “função social das cidades e da propriedade”. Nessa palestra, os participantes aprenderam que a propriedade, mesmo que seja particular, tem que cumprir uma finalidade coletiva, contribuindo para o bem comum, ou seja, de todos. O interesse particular não pode estar acima dos interesses da comunidade.

SEGUNDA ETAPA DA CONFERÊNCIA: PROPOSTAS

Ao meio dia, os participantes ganharam um almoço, cortesia da Prefeitura Municipal. Os trabalhos foram retomados à tarde, por volta das 15h20, com a presença de aproximadamente 50 pessoas, a maioria delas estudantes do ensino médio do Colégio Estadual Alfredo Nasser, além de alguns funcionários do Executivo Municipal e professores da escola.

Nessa segunda etapa, os participantes foram divididos em cinco grupos, com a missão de elaborar propostas e sugestões para melhorar a política de planejamento urbano de Santa Rita do Araguaia, além de apresentar questionamentos ao Poder Público.

AS PRINCIPAIS PROPOSTAS

Entre as principais propostas, os participantes cobraram a instalação de uma Delegacia de Polícia Civil em Santa Rita do Araguaia; solicitaram guardas e mais bancos nas praças; pediram a melhoria da iluminação pública; propuseram a instalação de praças em todos os bairros, com banheiros públicos, academia ao ar livre, bebedouros, pista de ciclismo e rampas de skate; sugeriram a criação de uma Secretaria de Desenvolvimento Urbano e de um Conselho Municipal da Cidade; cobraram investimentos em saneamento básico; e reivindicaram cursos profissionalizantes para o município, por meio de parcerias com o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) e com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar).

“Eu acho que foi muito proveitosa essa conferência, as indagações, as respostas, as propostas. Vamos digitalizar tudo e depois devolver para os estudantes, principalmente nas perguntas que eles (estudantes) fizeram, com as respostas, em uma dinâmica de solução das nossas carências”, conta o secretário de Indústria, Comércio e Meio Ambiente de Santa Rita do Araguaia, Elton Brás Camargo.

Ao final da conferência municipal, os participantes ganharam um lanche da tarde, com direito a salgadinhos, pão de queijo, rosquinhas, refrigerante e sucos, mais uma vez cortesia da Prefeitura.

PRÓXIMAS ETAPAS

Uma comissão vai selecionar as três melhores propostas apresentadas na conferência municipal e encaminhá-las para a 6ª Conferência Estadual das Cidades, que ocorre no final do ano, em Goiânia-GO. Nessa fase estadual de conferências, Santa Rita do Araguaia será representada por três delegados, que vão ser escolhidos nos próximos 15 dias.

As ideias sugeridas em Santa Rita do Araguaia, além de contribuir com o futuro do município, também podem se transformar em políticas públicas nacionais. Isso porque depois das conferências estaduais, haverá a 6ª Conferência Nacional das Cidades, de 5 a 9 de junho de 2017, reunindo as principais propostas de todo o país.

CONFERÊNCIAS DAS CIDADES: OBRIGAÇÃO DOS MUNICÍPIOS

Todas as 5.570 cidades do Brasil precisam realizar uma conferência, como a que ocorreu em Santa Rita do Araguaia, até o dia 05 de julho de 2016. O município que descumprir a obrigação e não organizar uma conferência da cidade fica impedido de receber verbas públicas federais para investimento em infraestrutura urbana.

Informações:

Ademilson Lopes/Assessoria de imprensa da Prefeitura de Santa Rita do Araguaia-GO

E-mail: ademilsonlopes.adv.jor@gmail.com

Telefones: (64) 3635-7000 ou (66) 9603-6785

Fanpage: www.facebook.com/santaritadoaraguaiaoficial/

Site: www.santaritadoaraguaia.go.gov.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar