PERUCHI
Destaques

Região Centro-Oeste defende ferrovia para escoamento da produção agrícola

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Gestores de estados e municípios beneficiados pela construção da ferrovia Alto Araguaia (MT) / Jataí (GO) / Uberlândia (MG) se reuniram na manhã desta terça-feira (7), em Brasília (DF), durante o III Encontro dos Municípios com o Desenvolvimento Sustentável (EMDS). A reunião promoveu debates em busca de uma articulação federativa.

O gerente macrorregional Mato Grosso / Distrito Federal / Goiás da subchefia de assuntos federativos da Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República, Helber Jordão, também participou da reunião e declarou que o objetivo foi divulgar o andamento do projeto da ferrovia Alto Araguaia. “A região sudoeste do estado de Goiás é grande produtora agrícola e a ferrovia é uma forma de escoamento dessa produção”, destacou Jordão.

A ferrovia, embora ainda seja um projeto em fase de estudos quanto à viabilidade ambiental, foi defendida pelo secretário de Indústria e Comércio de Jataí, Amilton Gonçalves, como uma necessidade não só da região, como do Brasil como um todo. “Pleiteamos o ramal com plataforma logística para a região de Jataí, ligando na ferrovia norte-sul. Temos articulado isso junto ao ministério da Integração Nacional e junto ao ministério dos Transportes para que realmente esse ramal se efetive, já que configura uma necessidade. Já existem estudos que comprovam, o Brasil demanda por ferrovias e a nossa região não é diferente, afinal estamos no centro-oeste, polo de produção agrícola do país”. (Fonte: multimidia.fnp.org.br).

Redator: Bruna Lima
Editor: Rodrigo Eneas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar