Notícias

TRE-MT e Unemat firmam parceria para atender estudantes de Direito

Foto por: Assessoria TRE-MT

O Tribunal Regional Eleitoral e a Universidade de Mato Grosso (Unemat) vão desenvolver projetos conjuntos para atender estudantes da instituição pública de ensino superior. A parceria foi selada em reunião realizada nesta segunda-feira (25/09) entre a reitora Ana Maria Di Renzo  e o presidente do TRE-MT, desembargador Márcio Vidal, na presidência do Tribunal.

Também participaram da reunião a coordenadora do curso de Direito, professora mestre Evely Bocardi de Miranda Saldanha, e o professor mestre José Renato de Oliveira Silva, que ministra a disciplina de Direito Eleitoral.

Os projetos serão desenvolvidos por meio da Escola Judiciária Eleitoral. Entre eles estão a participação do TRE-MT na semana jurídica da Unemat e a criação do Dia de Campo no TRE, para os alunos que estejam cursando a disciplina de Direito Eleitoral; além da colaboração dos professores do Curso de Direito na produção de artigos para a revista Democrática, editada pela Escola Judiciária Eleitoral.

A iniciativa da reunião partiu da reitora, que pretende ampliar a extensão universitária aos alunos do curso de Direito. As propostas foram bem recebidas pelo desembargador Márcio Vidal. “Um dos pilares desta gestão é justamente a integração e cooperação institucional. As instituições precisam se unir em prol de um bem maior. Nos sentimos honrados em poder contribuir com a Unemat”, disse Márcio Vidal

A evolução da Unemat

Ao levar a proposta de parceria com a Justiça Eleitoral, a reitora da Unemat, Ana Di Renzo, mostrou ao desembargador Márcio Vidal uma apresentação com números, dados e informações sobre a evolução da Unemat, que completou 40 anos em julho.

Tendo como filosofia levar conhecimento “do interior para o interior”, a Unemat está presente em 42 municípios de Mato Grosso, por meio de 13 câmpus, 17 núcleos pedagógicos e 24 polos educacionais de ensino à distância, alcançando grande capilaridade no interior do Estado.

Ao todo, a universidade atende 22 mil acadêmicos em 60 cursos presenciais, quatro doutorados institucionais, quatro interinstitucionais e três doutorados em rede. São ofertados ainda 11 mestrados institucionais, um interinstitucional e cinco profissionais.

Desde sua fundação, a Unemat se voltou para atender o interior do Estado, visto que a Capital já atendida pela Universidade Federal de Mato Grosso. Foi pioneira na América Latina ao oferecer curso superior específico e diferenciado de licenciatura para indígenas, desde 2001, projeto que hoje atende 32 etnias.

Ao longo dos últimos 40 anos, os avanços foram além da expansão física. Houve significativo investimento na qualidade do corpo docente. Atualmente, dos 1.251 professores, 21% são especialistas, 42% tem mestrado e 37% são doutores. Os cursos de mestrado são oferecidos em pelo menos seis municípios do interior de Mato Grosso e os investimentos na qualidade do ensino também trouxeram resultados para a pesquisa, com importantes parcerias internacionais.

A reitora apresentou ainda o orçamento Unemat e a relação orçamento/aluno, em comparação com outras universidades públicas, evidenciando que os gastos estão abaixo do registrado pelas demais instituições, diante da amplitudade, alcance e qualidade dos serviços ofertados.

“Estou bastante impressionado com os avanços e o progresso da Unemat. Nós não tínhamos ideia da dimensão do trabalho que vem sendo desenvolvido por vocês. Sinto satisfação e orgulho em saber que em Mato Grosso há pessoas com ideais, com vontade de produzir conhecimento e de contribuir com este Estado”, disse o desembargador Márcio Vidal.

por Assessoria TRE-MT

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar